04
out

Beleza e renda com a decoração.

publicado no Caderno 7

     Levar harmonia, beleza e sofisticação ao Centro de Eventos do Ceará são os principais desafios para as empresas que atuam no segmento da decoração e precisam desenvolver projetos de ambientação para produções de diferentes tipos e portes no empreendimento que ocupa um espaço de 17 hectares.

Os profissionais da decoração estão entre os principais beneficiados no setor que ganha chance de crescimento com a realização de eventos e espetáculos.

    Com a agenda de eventos, que não para de aumentar no CEC, não vão faltar trabalho e renda para os profissionais que atuam montando e decorando estandes, fazendo a cenografia de espetáculos em grandes palcos, preparando camarins para os artistas ou mesmo fazendo o embelezamento dos ambientes para que os visitantes se sintam bem e tenham uma boa impressão desde a recepção até a hora de ir embora depois de usufruir de toda a hospitalidade cearense na hora da diversão ou de fazer um negócio.

    De acordo com a Associação Cearense das Empresas de Decoração (ACED), existem hoje cerca de 90 empresas associadas no segmento de design e decoração atuando no Estado. Vão permanecer e crescer neste mercado, as que estiverem melhor preparadas. Por isso, a profissionalização do decorador também é muito importante para que o especialista consiga se fixar no setor.

MAIS BELEZA, MAIS TRABALHO

     Para a presidente da ACED, Solange Parente Maia, o Centro de Eventos do Ceará vai aumentar as transações de empresas nos mercados internacional e nacional, impactando no faturamento delas e no surgimento de novas empresas no setor da decoração. “Poderá haver impacto sobre as empresas cearenses com a realização dos eventos internacionais que serão atraídos. Fornecedores e compradores de ‘soluções de design’ e decoração de alto padrão, serão bem procurados”, ressalta Parente.

    A oportunidade também é interessante para aqueles com habilidades para decorar de maneira informal. Mesmo aqueles que gostam de arrumar festas familiares ou salas de trabalho podem transformar estas práticas em ofício e passar a ganhar dinheiro. Para tanto, existem cursos profissionalizantes específicos. Alguns se dão em empresas que oferecem, além de artigos de decoração, assessoria e treinamentos para novos especialistas.

   Outras capacitações são oferecidas pelas entidades conhecidas como Serviços Sociais, bem como na rede pública e privada de educação profissional. A ACED participa de simpósios e treinamentos para profissionais, visando elevar o nível dos decoradores e designers no panorama crescente desse mercado.

SERVIÇO.
Associação Cearense das Empresas de Decoração – ACED. Tel: (85) 3267.2982. E-mail: aced@aced.arq.br .